quinta-feira, 24 de abril de 2008

Aulas de CEF I

Temos uma ideia pré-concebida sob determinados alunos que, por vezes, nem lhes damos o benefício da dúvida.

Os cursos de CEF têm a sua fama, nem sempre abonatória, em muitos casos por culpa dos próprios alunos que os integram. Lemos histórias na net, ouvimos de colegas de trabalho ou então contactamos directamente com este tipo de alunos. Mas será que não há excepções??

O CEF que me foi atribuído não funciona na escola, mas numas instalações pertencentes à escola profissional lá do sítio (histórias antigas). Logo aí se nota diferenças, pois regras não existem, porque também não existe ninguém que os controle. Mesmo assim, e apesar de certos desacatos entre eles, o panorama este ano até é muito bom, e sempre que têm alguma saída o seu comportamento não tem nada que se aponte.

Assim, e dentro da minha disciplina, resolvi fazer uma aula prática, implicando deste modo a deslocação à escola, onde dispunha do material.

Agora espantem-se! O porteiro não os queria deixar entrar, o meu "chefão" mostrou alguma contrariedade pela sua presença. Porventura pensariam eles que estes garotos eram alguns desordeiros, vândalos, que iriam destruir a escola?

Provavelmente a culpa foi minha que não falei ao "chefão" sobre o assunto, mas na minha ignorância, pensei que ficava resolvido falando com o DT deles. Mas expliquei a situação ao "chefão" e eles lá entraram e tivemos a nossa aula.

Pois bem, digo-vos uma coisa. Foram impecáveis (como sempre o são nas saídas de sala de aula), bem melhor do que as minhas pestes de 7º ano. Estiveram à altura, mostraram responsabilidade.

Como poderão estes alunos sentir-se integrados, quando são os próprios professores que olham para eles com desconfiança pelo facto de frequentarem um curso CEF. Não pensem que estes meus alunos são bem comportados. Claro que não, também têm as faltas, e algumas bem graves envolvendo uma espécie de Wrestling feminino. Mas mesmo assim...

2 comentários:

Professorinha disse...

Bem, os meus alunos do CEF não sei bem como se portam quando há saídas... Mas sei que com eles não planeio ir a lado nenhum... não acho que mereçam o esforço da minha parte...

bell disse...

É natural, esses alunos já fizeram tantas que está tudo de pé atrás com eles.

Lancei-te um desafio no meu blogue. Espero que aceites.