domingo, 18 de outubro de 2009

É cada aventura!

Já devem ter percebido que a escola onde "caí" este ano é fora de série:

- um princípio de ano atribulado - primeiro as aulas iniciavam num dia, depois 15 dias mais tarde, até que acabaram antecipadas 1 semana;

- reuniões desmarcadas e adiadas - depois de fazer a viagem de mais de 100km para nada (principalmente as marcadas para receber os horários e que acabavamos por não os ter);

- os mesmos horários que vamos recebendo quase diariamente com pequenas, grandes ou nenhumas alterações - em 2 semanas de aulas já me passaram pelas mãos meia dúzia de horários, sistematicamente com os mesmos erros (apesar de passar duas vezes pela Direcção e deixar anotado pela Vice o que estava errado no horário);

- obras e mais obras (barulho); alunos que nesta altura ainda não têm professores (mais barulho); e duas mesas de matraquilhos estrategicamente colocadas no pátio para onde a minha sala de aula dá e na qual me "obrigam" a leccionar de janela e porta aberta por causa da gripe A (barulho ensurdecedor);

Mas o melhor aconteceu na outra semana...

Calmamente analisava um gráfico de movimento com a minha turma de 9º ano, quando a campaínha toca 3 vezes (a mim pareceu-me 4 ou 5).

Simulacro de incêndio?! E então não dizem nada, não avisam o pessoal?

Avaria?! A escola até anda em obras...

Por precaução lá saímos da sala e dirigimo-nos para a zona de segurança (pelo menos já sei onde é).

Toda a gente estranhou a situação. Ainda para mais que era a hora de início da tarde e muitos alunos ainda estavam ou iam almoçar, pelo que não seria natural um simulacro.

Pois... E não era... Era caso sério... Ameaça de bomba!!!!!!
Alguém tinha telefonado para a escola.

Entre os novos era a novidade, para a "mobília da casa" a suspeita recaiu sobre um aluno do 7º ano, que há alguns anos tinha feito a mesma coisa.

Foi grande o aparato - a escola em peso deslocou-se para o estádio municipal existente ao lado da escola; a GNR, a Brigada de Minas e Armadilhas e a Protecção Civil foram chamados ao local e procederam à sua inspecção.

Ao fim de 2 horas tudo regressou ao normal. Nada foi descoberto... Serviu para a experiência...

Sim, as suspeitas confirmaram-se. Foi o tal aluno identificado, juntamente com mais 3 colegas. Quanto ao castigo... pois... essa é outra história... é melhor ficar para um próximo post...

2 comentários:

FC disse...

Olá!
Acontece cada uma... :O
Boa Sorte ^.~'
Bjnhos

Andreia disse...

Essa escola é uma verdadeira aventura... ;)
beijinhos